Manoel Ludgério defende autonomia dos poderes e diz que a eleição da ALPB não pertence a Cássio ou a Ricardo

Campeão de votos nas eleições deste ano, o deputado Manoel Ludgério (PSD), defendeu a autonomia dos poderes, e disse que o Executivo não pode influenciar no andamento do Legislativo paraibano.
Mesmo já tendo sido eleito presidente da Câmara de Vereadores de Campina Grande, com apoio  total do então prefeito Cássio Cunha Lima, Lugério condenou qualquer tipo de interferência externa na eleição da mesa diretora da Assembleia Legislativa da Paraíba.


O deputado que defende à reeleição de Ricardo Marcelo disse que o Legislativo é um poder autônomo, independente, e que suas decisões competem somente aos parlamentares. Em entrevista a Rádio Caturité AM, ele disse que a Casa de Epitácio Pessoa tem que manter sua independência e não pode ser subserviente a quem quer que seja.

- A Casa não pertence a Ricardo Coutinho ou a Cássio Cunha Lima, ela pertence primeiro ao povo e aos 36 deputados – disse Ludgério.

O deputado oposicionista ressaltou que é contra a antecipação da eleição do segundo biênio para ocorrer junto com a eleição do primeiro biênio.

- Eu acho que isso é muito precipitado. Os deputados tem o direto de chegar no momento certo, dois anos depois e escolher o novo presidente – falou o deputado.

Por PBAgora

About Queimadas No Foco

Queimadas No Foco
Recommended Posts × +

0 comentários:

Postar um comentário