Vereadora que só teve 1 voto (O SEU) assume mandato no Rio Grande do Sul

Por cerca de um mês, a Câmara Municipal de Coronel Pilar, na Serra do Rio Grande do Sul, terá uma vereadora que obteve apenas um voto na eleição de 2012, o dela própria. Veridiana Bassotto Pasini (PTB) era a sétima suplente da coligação com o PP e PMDB, e na quarta-feira da semana passada, dia 3, assumiu a vaga.

"É a importância do valor de um voto. Hoje ninguém mais quer ter o compromisso de votar, dizem que não faz diferença, mas faz muita", diz a vereadora.


O titular da coligação é Luciano Contini (PMDB), que se afastou do cargo por 60 dias. A suplente Iraci Moresco Zanatta (PMDB) assumiu por um mês, mas também precisou se afastar. "Os outros estavam com compromissos, e alguns conseguiram a transferência de título, estavam aqui e se transferiram para Garibaldi", explicou a parlamentar.
Ela deve ficar no cargo até o início de outubro, quando Zanatta retorna ao parlamento. "Vai ser um período curto para se fazer um trabalho, mas vou ver a demanda do município, das pessoas, e tentar ajudar na medida do possível", afirma.
Casada com o presidente do PTB no município, Luiz Carlos Pasini, a vereadora diz que se candidatou apenas para ajudar o partido a preencher as cotas para mulheres. Entre os nove vereadores eleitos, apenas duas são mulheres, Juliana Veronese Vieceli (PP) e Adriana Rossi Mattei (PDT). O número aumentou para três com as duas suplentes de Zanatta.
"Agora um terço da Câmara é de mulheres, e temos de divulgar a força feminina. Estamos conquistando um bom espaço", declarou.
Veridiana ainda não tem em mente alguma proposição para a sessão plenária marcada para esta quarta-feira (10), mas já pensa no futuro. A próxima candidatura poderá não ser apenas para preencher cota. "A partir dessa experiência de agora, de repente mudam as ideias", cogita.
Coronel Pilar tem cerca de 1,7 mil habitantes, segundo o Censo 2010 do IBGE. O vereador mais votado, Vandemir Pilatti (PDT), teve 120 votos. Os últimos entre os titulares, Fabiano Ferrucio Sabei e Adriana Rossi Mattei, ambos do PDT, tiveram 83 votos. Lourenço Delai (PDT) se elegeu prefeito com 975 votos.

Por G1

About Queimadas No Foco

Queimadas No Foco
Recommended Posts × +

0 comentários:

Postar um comentário