Uma adolescente se matou após seus pais a proibirem de acessar sua página no Facebook.

Ela escreveu uma nota antes de cometer o ato dizendo que não poderia viver sem a rede social. Aishwarya Dahiwal, de 17 anos, foi encontrada enforcada em seu quarto após uma discussão com os pais sobre o tempo excessivo que passa na rede social e nas conversas no celular.

O caso ocorreu na quarta-feira (1), na cidade de Parbhani, na Índia. Em uma nota de suicídio, ela argumentou culpando os pais e suas restrições por tomar a atitude. 


“O Facebook é tão ruim? Eu não posso ficar em casa com as restrições e não posso viver sem o Facebook”, escreveu.

Por R7

About Queimadas No Foco

Queimadas No Foco
Recommended Posts × +

0 comentários:

Postar um comentário